top of page

Como medir o sucesso da área de Product Operations?


Com o crescimento exponencial de empresas de tecnologia nas últimas duas décadas, novas formas de gestão vêm se desenvolvendo, fazendo contrapé a modelos clássicos e verticalizados. Product Management e Agilidade nasceram dessas necessidades de mais transversalidade, mais alinhamento e mais ritmo para gerenciar melhor o crescimento das companhias e a entrega de resultados concretos.

Estes novos modelos de gestão continuam evoluindo, como um molde se adaptando às novas tecnologias e necessidades do momento. Com isso, surgiu a área de Product Operations, também conhecida como “Prod Ops”, combinando vários conceitos visando a facilitar e escalar produtos de tecnologia.

Apesar da relevância cada vez mais significativa de Prod Ops, ainda existe pouco material sobre o tema (em comparação a Product Management como um todo, que já dispõe de dezenas de livros, podcasts e canais dedicados!). Por isso, nós dessa área na OLX Brasil, juntamente com outras empresas de tecnologia, criamos a comunidade brasileira de Prod Ops. Com encontros mensais online, discutimos escopo, estrutura, desafios e boas práticas — neste artigo explicamos mais a respeito.


Nosso primeiro encontro, em março de 2021, focou sobre uma dor que todos temos: como medir o sucesso da área de Product Operations? Quais objetivos e indicadores fazem mais sentido? Como garantir que de fato agregamos valor onde mais é preciso, em função da realidade de Produto que nossa empresa está vivendo?


O maior desafio em definir o sucesso de Prod Ops é a profundidade e diversidade de assuntos coordenados. Por profundidade, quero dizer que em muitos casos, as missões de Prod Ops são muito internas, e por isso o impacto na companhia pode ser difícil de mensurar. Por exemplo, quando a área contribui para estruturar o planejamento trimestral e OKRs (Objectives and Key Results) das equipes de produto, como medir o impacto desta responsabilidade com indicadores tradicionais? Por diversidade, entendo que nossa contribuição pode abranger de definições estruturais razoavelmente simples (cerimônias, materiais, alinhamentos entre times) até projetos e programas muito complexos e estratégicos para a empresa.


Além disso, as necessidades das companhias com Prod Ops dependem muito do seu nível de maturidade e complexidade. Na maioria das vezes, a área nasce com uma pessoa, quando a quantidade de equipes de produto cresce e que se torna difícil fazer alinhamentos constantes entre todos. Neste momento, identifica-se a necessidade de organizar, estruturar, facilitar e gerenciar as interações entre times. Ao aumentar a complexidade da companhia, torna-se preciso construir uma área com mais pessoas e responsabilidades transversais mais bem definidas.


Sendo assim, medir o sucesso da área de Prod Ops é em si um grande desafio. Na discussão da Comunidade, percebemos que não há uma resposta única ou uma receita de bolo, principalmente devido à intangibilidade frequentemente encontrada das atividades de Prod Ops.

Tentando trazer uma síntese em seguida, gostaria de reforçar algumas premissas antes:

  • As missões de Prod Ops podem ser muito variadas

  • E dependem do nível de maturidade da companhia

  • Assim como do nível de complexidade e maturidade de Produto

Dito isso, podemos pensar em quatro pilares para medir o sucesso da área.

  1. Impacto para os usuários, representando satisfação e engajamento de usuários (Customer Satisfaction, volume de reclamações, etc.)

  2. Impacto para o negócio, através de indicadores a nível da companhia, mais macros (receita, churn, etc.)

  3. Avaliações quantitativas onde pessoas de Prod Ops estão de fato engajadas (resultados atingidos por certo projeto, melhoria no tempo de atendimento, aumento de certa categoria de clientes, etc.)

  4. Juntamente com medições mais qualitativas, considerando que as equipes de Produto (Ligas e Tribos) são clientes de Prod Ops: satisfação e avaliação deles em termos de impacto na área.

Adicionalmente, uma sugestão de medição foi pensada por Thiago Belluf, que participou da criação da área de Prod Ops na OLX Brasil, pode ver mais neste link.


Como deu para perceber, o desafio de Prod Ops é grande e precisamos todos aprender, experimentar e tirar conclusões sobre nossa atuação nessa área. Com o objetivo de fomentar reflexões e trocar boas práticas ligadas a Prod Ops, nossa comunidade foi criada no início deste ano, e se encontra virtualmente todo mês. Se você achou interessante e quer contribuir também para reflexões sobre objetivos, escopo ou entregas de Prod Ops, pode se juntar à nossa comunidade — só entrar em contato comigo pelo LinkedIn.


255 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page